O seu hotel em Coimbra, localizado no coração da Baixa

As 7 Tradições Imperdíveis de Coimbra

Conheça as 7 tradições completamente imperdíveis de Coimbra:

1- Cortejos Académicos

Onde? Centro da cidade
Quando? Semanas académicas em Maio e Outubro

Os tradicionais cortejos académicos que acontecem em Coimbra duas vezes por ano são parte fulcral da praxe universitária, um conjunto de costumes que torna Coimbra única ano após ano.

Ao longo do ano, há dois grandes desfiles que animam a cidade: o cortejo da Queima das Fitas em Maio e o cortejo da Festa das Latas em Outubro.

Enquanto o desfile da Festa das Latas – ou Latada, como também é chamada a celebração – é celebrado pouco depois do início do ano lectivo, quando os caloiros chegam à cidade e se deparam com as tradições académicas pela primeira vez. Durante o cortejo, os doutores envergam a capa e batina e os caloiros vestem disfarces criados pelos seus “padrinhos” e “madrinhas”, bem como latas atadas aos pés.

Contudo, o desfile da Queima das Fitas é, sem dúvida, o mais importante e simbólico. É durante este cortejo que os caloiros vestem a capa e batina pela primeira vez e se tornam doutores. Já os finalistas usam o traje académico complementado com uma cartola e uma bengala com as cores de cada faculdade, enquanto todos desfilam ao longo do centro da cidade juntamente com dezenas de carros alegóricos envergando mensagens satíricas.

Queima Fitas Coimbra

2- Rainha Santa Isabel

Onde? Centro da cidade
Quando? De dois em dois anos (nos anos pares)

Se conhece Coimbra já sabe que de dois em dois anos a cidade para em Julho para honrar a sua padroeira, a Rainha Santa Isabel. Se esta é a sua primeira aventura na “cidade dos Amores”, então prepare-se para presenciar uma das mais belas festas religiosas do país. O povo de Coimbra nunca mais deixou de venerar a sua padroeira desde que a Rainha Santa Isabel passou pela cidade.

Tradição Religiosa Coimbra

E se quiser ver parte da procissão a partir de um local privilegiado, tem sempre o terraço do Hotel Oslo à sua disposição. Este espaço, no sexto piso, foi recentemente renovado e proporciona uma vista inigualável da cidade de Coimbra.

3- Fado

Onde? aCapella e outros estabelecimentos típicos
Quando? Sempre que lhe apetecer

Se pensa que conhece o Fado de Coimbra porque já ouviu fado, não se deixe enganar. A Canção de Coimbra é especial: reflecte o sentimento único de ter estudado e vivido na cidade dos estudantes e a mágoa causada pela saudade.

Este Fado tão especial – uma versão modificada do Fado de Lisboa, mais pesaroso e mais nostálgico – faz parte da tradição académica e está intimamente ligado à vida estudantil e à guitarra de Coimbra.

Fado Coimbra

4- Serenata Monumental

Onde? Sé Velha e Sé Nova
Quando? Semanas académicas em Maio e Outubro

A tradição dita que a Queima das Fitas começa à meia-noite em ponto com os primeiros acordes da guitarra de Coimbra: é desta forma que arranca a bela Serenata Monumental. A Serenata, realizada no largo da Sé Velha, representa o baptismo dos caloiros, que oficialmente se tornam doutores. 

Manda a tradição que os padrinhos tracem as capas aos seus caloiros, os emocionados afilhados e afilhadas, que vestem capa e batina pela primeira vez nessa noite. Já para outros, os mais velhos, o Fado cantado nos degraus da Sé Velha simbolizam o “adeus” à vida universitária

Serenata Coimbra

5- Santos populares

Onde? Na Baixa de Coimbra
Quando? Junho

Os Santos Populares são uma das maiores tradições portuguesas. Em Coimbra, os santos – São João, São Pedro e Santo António – são homenageados com enormes celebrações no centro histórico da cidade, bem como nos arredores. As pessoas reúnem-se à volta da tradicional fogueira, saboreando a típica sardinha assada numa fatia de broa. Ao longo da noite, os participantes vão saltando sobre a fogueira à medida que a diversão se mantém.

Na Baixa da cidade, as marchas populares desfilam ao início da noite, fazendo as delícias das centenas de espectadores que se deslocam até ao centro histórico para ver os marchantes.

6- Lenda de Pedro e Inês

Onde? Quinta das Lágrimas
Quando? Todo o ano

Dª Inês de Castro foi uma nobre galega que se tornou rainha de Portugal em meados do século XIV após casar clandestinamente com o rei D. Pedro I de Portugal, com quem teve quatro filhos. 

Após a morte de D. Constança, legítima mulher de D. Pedro I, Inês de Castro regressou a Portugal e casou-se em segredo com o futuro rei de Portugal. Contudo, em 1355, Inês foi assassinada por três homens a mando do rei D. Afonso IV, pai de D. Pedro I, que sempre tinha rejeitado e condenado o romance secreto do filho. 

Mas o amor foi mais forte e mesmo após a sua morte, Inês acabou por ser coroada Rainha de Portugal e, mais tarde, sepultada no Mosteiro de Alcobaça. Ainda assim, pouco se sabe sobre a vida desta mulher nobre, mas a sua trágica história de amor nunca será esquecida em Coimbra.

A lenda do amor de Pedro e Inês está intimamente ligada à Quinta das Lágrimas, situada na margem esquerda do Mondego, onde a Rainha de Portugal foi assassinada.

É nesta mesma quinta que pode encontrar a famosa Fonte dos Amores, palco das juras de amor entre Pedro e Inês. Até aos dias de hoje, uma das pedras da fonte ainda ostenta uma mancha vermelha que, de acordo com a lenda, é a marca do sangue derramado pelos carrascos de Inês de Castro.

7- Feira Medieval

Onde? Largo da Sé Velha
Quando? Início de Junho

Coimbra tem albergado, nos últimos anos, uma das mais fiéis representações do período medieval: trata-se da famosa Feira Medieval de Coimbra, uma iniciativa anual que atrai dezenas de almocreves, peregrinos, comediantes e vendedores ambulantes ao Largo da Sé Velha. Era neste mesmo local, nos séculos XIII/XIV, que decorria a verdadeira Feira Medieval. 

Durante um fim-de-semana em Junho, milhares de pessoas viajam no tempo graças às centenas de figurantes que incutem a ambiência de uma verdadeira feira medieval. Além de muita animação e petiscos típicos, a feira conta ainda com músicos, atores, acrobatas e até uma cigana que lê a sina.

Descubra mais sobre Coimbra no nosso blogue.

Hotel Oslo Coimbra Logo
Hotel Oslo - Coimbra
Av. Fernão de Magalhães, 25
3000-175 Coimbra, Portugal
Tel. +351 239 829 071
Fax. +351 239 820 614
Hotel Icone Mapa e Direcções
Icon de Contacto Contactos
Icone Google+ Hotel Oslo Coimbra +

Apartamentos em Coimbra

apartamentos-coimbra-vintage-lofts
apartamentos-coimbra-vintage-lofts1